Pontos turísticos de Belém oferecem alternativas de lazer nas férias de julho

Da Redação - Agência Belém de Notícias - 13/07/2017 17:11

  • / Points de Verão / 13/07/2017 17:11

    Patrícia Colares e a filha Malu gostam da sensação de paz e segurança que encontram no Bosque Rodrigues Alves.

  • / Points de Verão / 13/07/2017 17:11

    Carlos Trindade e as sobrinhas, no Portal da Amazônia: "“Aqui você não percebe a hora passar".

  • / Points de Verão / 13/07/2017 17:11

    A paisagem à beira do rio é uma das principais atrações do Portal da Amazônia.

  • / Points de Verão / 13/07/2017 17:11

    Sem Descrição


Muitas são as dúvidas quando se trata de saber onde aproveitar o mês de julho. Enquanto alguns pensam nas altas temperaturas do verão e planejam o período das férias nas praias e balneários, outros buscam a tranquilidade da capital paraense e, com os familiares, optam por locais que ofereçam contato com a natureza, cultura e arte.  E em Belém, são várias as alternativas.

Para quem tem filhos, o Jardim Botânico Bosque Rodrigues Alves é uma boa pedida. A gestora financeira Patrícia Colares, 23, tem o local como um de seus favoritos para passear com a sua pequena de quatro anos, Malu Valadares. “Eu gosto daqui, é um lugar que transmite paz, conforto e segurança. A Malu fica encantada com a diversidade de bichos e plantas ”, disse Patrícia, ao caminhar pelo Bosque com a filha. “Férias para mim é sinônimo de descanso, então vamos fazer programas mais família, e ficar aqui pela cidade mesmo”, acrescentou. O momento de lazer no espaço é muito aproveitado por Malu, que demonstra encanto através do olhar atento aos movimentos de cada animal. Mas o seu preferido são os macacos-pregos. “Eles são lindos, e até me olham e brincam comigo fazendo graça”, entusiasma-se. 

Além das 80 mil espécies de fauna e flora distribuídas em 150 mil metros quadrados, é possível encontrar cerca de 430 animais de 29 espécies diferentes que vivem em cativeiro, e outros 26 em liberdade ou semi-liberdade. No local, o público ainda conta com visitas monitoradas, parque infantil e atividades educativas desenvolvidas na brinquedoteca. Durante o mês de julho, o bosque funciona de terça a domingo, de 8h às 17h. 

Esporte e lazer na orla

Já para quem aprecia uma bela paisagem às margens da Baía do Guajará, ou é amante de esportes, o Portal da Amazônia pode ser a melhor opção de lazer.  “Aqui você não percebe a hora passar. Aluga bicicleta, patins, caminha e quando vê já anoiteceu”, relata o pedreiro Carlos Trindade, 52. 

Os frequentadores do ponto turístico ainda poderão desfrutar das atividades oferecidas pela Secretaria Municipal de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel), nos próximos dias 12 e 19 de julho. Entre os serviços estão as oficinas de skate e brincadeiras como o pula-pula, túnel lúdico, pintura de rosto, desenhos, escorregas e  jogos de salão. 

“Todo o serviço oferecido ao público integra o Projeto Brinca Belém, que tem como objetivo promover e incentivar a participação da população às áreas de  lazer de forma a democratizar o acesso e contribuir para a qualidade de vida”, pontuou o Secretário da Sejel, Wilson Neto. 

Cultura 

Os adeptos e amantes da arte podem aproveitar os dias de julho para contemplar a exposição “Imagens de Belém - acervo modernista do Museu de Arte de Belém”, disponível no próprio Mabe, no Palácio Antônio Lemos. 

O horário de visitação é de terça a sexta-feira, das 10h às 17h; e aos sábados e domingos, das 09h às 13h. Os interessados em mais informações podem entrar em contato pelo telefone 3073-1450. A entrada é gratuita.

Texto: Natasha Albarado
Foto: Alessandra Serrão - NID/Comus
Coordenadoria de Comunicação Social (COMUS)